terça-feira, 31 de dezembro de 2019

Textos dos dias que correm

O Amor é o Caminho que nos Leva à Esperança

O amor é o caminho que nos leva à esperança. E esta não é uma espécie de consolação, enquanto se esperam dias melhores. Nem é sobretudo expectativa do que virá. Esperar não significa projetar-se num futuro hipotético, mas saber colher o invisível no visível, o inaudível no audível, e por aí fora. Descobrir uma dimensão outra dentro e além desta realidade concreta que nos é dada como presente. Todos os nossos sentidos são implicados para acolher, com espanto e sobressalto, a promessa que vem, não apenas num tempo indefinido futuro, mas já hoje, a cada momento. A esperança mantém-nos vivos. Não nos permite viver macerados pelo desânimo, absorvidos pela desilusão, derrubados pelas forças da morte. Compreender que a esperança floresce no instante é experimentar o perfume do eterno.

José Tolentino Mendonça, in 'A Mística do Instante'

1 comentário:

Anónimo disse...

Cá está o que eu não aprecio neste sacerdote.
O título é chamativo, mas nada mais diz sobre Amor. Sobre a Esperança é uma embrulhada.
..............................
Acredito que a Fé é a porta por onde se entra. A Caridade é o local onde se entra. A Esperança é o archote, a luz que nos indica o caminho.
O tempo é o inimigo supremo. O tempo vence tudo e só é vencido pela Esperança. A Esperança é esperar. Lenta, longa e continuadamente. Perder a ânsia, o sonho, a aspiração e o desejo. Mas confiar, acreditar e continuar à espera. Sempre.
Ter Esperança é esperar, apesar do tempo. Pois é o único modo de derrotar o tempo. É a Esperança que se renova, que permanece, que espera quando já não há ânsias, sonhos, aspirações nem desejos. A que espera quando não há esperança.
A Esperança — que vence o tempo e que vence o mundo — tem de ser tão poderosa que só pode nascer de algo que seja maior do que tudo.
Com a Esperança que vence, temos de esperar o Céu. A Esperança é a luz que a Luz nos deixou até ao seu pleno regresso. (João César das Neves)

Abraço do ao

Acerca de mim

Arquivo do blogue