domingo, 28 de março de 2010

Domingo de Ramos

Hoje é Domingo de Ramos e eu, ainda que não repetindo a fórmula com a frequência de outros dias, não me esqueço da minha condição de católico. Dada a extensão do Evangelho, optei por escolher apenas um trecho que, ano após ano, não deixa de me tocar.
A semana que agora começa é para nós, crentes, a liturgicamente mais importante do ano. Que a saibamos viver com um coração renovado. Uma Boa e Santa Páscoa para todos.

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas

N Levavam ainda dois malfeitores
para serem executados com Jesus.
Quando chegaram ao lugar chamado Calvário,
crucificaram-n’O a Ele e aos malfeitores,
um à direita e outro à esquerda.
Jesus dizia:
J «Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem».
N Depois deitaram sortes,
para repartirem entre si as vestes de Jesus.
O povo permanecia ali a observar.
Por sua vez, os chefes zombavam e diziam:
R «Salvou os outros: salve-Se a Si mesmo,
se é o Messias de Deus, o Eleito».
N Também os soldados troçavam d’Ele;
aproximando-se para Lhe oferecerem vinagre, diziam:
R «Se és o Rei dos judeus, salva-Te a Ti mesmo».
N Por cima d’Ele havia um letreiro:
«Este é o rei dos judeus».
Entretanto, um dos malfeitores que tinham sido crucificados
insultava-O, dizendo:
R «Não és Tu o Messias?
Salva-Te a Ti mesmo e a nós também».
N Mas o outro, tomando a palavra, repreendeu-o:
R «Não temes a Deus,
tu que sofres o mesmo suplício?
Quanto a nós, fez-se justiça,
pois recebemos o castigo das nossas más acções.
Mas Ele nada praticou de condenável».
N E acrescentou:
R «Jesus, lembra-Te de mim,
quando vieres com a tua realeza».
N Jesus respondeu-lhe:
J «Em verdade te digo: Hoje estarás comigo no Paraíso».

N Era já quase meio-dia,
quando as trevas cobriram toda a terra,
até às três horas da tarde,
porque o sol se tinha eclipsado.
O véu do templo rasgou-se ao meio.
E Jesus exclamou com voz forte:
J «Pai, em tuas mãos entrego o meu espírito».
N Dito isto, expirou.

2 comentários:

Anónimo disse...

João,
Também aprecio especialmente a parte que assinalaste.
Não a ouço nunca sem um arrepio.
Um abraço,
fq

Anónimo disse...

Tal e qual JdB. Obrıgada por nos relembrar do que e maıs ımportante. Bjs e uma Santa Pascoa para sı. pcp

Acerca de mim

Arquivo do blogue