sábado, 24 de janeiro de 2009

Diz o limão à cerejeira


Era só esta luz bonita e hoje parece-me o mundo. O sol a ficar para trás, o horizonte de chumbo, prenúncio da tempestade.

Em nós até os homens eu sinto. Os que bebem ilusão, aqueles que preferem não ver, e os que são o chá do mundo.


DaLheGas

2 comentários:

Anónimo disse...

Diz o limão à cerejeira ! diz o roto ao nu ! diz a cigarra à formiga ! diz o elefante ao rato !
DaLhe, sabe o que diz o peixe à peixa? estou apeixonado :-)
Assim também estou eu pelos seus posts.

DaLheGas disse...

é isso mesmo maf. muito se diz de uns para os outros. que coisa.

Acerca de mim

Arquivo do blogue