sexta-feira, 26 de julho de 2019

Duas Últimas

Cascais, 24 de Julho de 2019
Graças à generosidade de alguém próximo, fui ver Diana Krall ao vivo em Cascais. Sou fã dela, e nunca a tinha visto ao vivo, o que foi uma boa experiência, não fosse o tempo de espera e o barulho de uns americanos (que mandei calar, confesso o arrojo) que não paravam de falar durante a actuação do artista que abriu o concerto. 

O que tenho a dizer? Coisas positivas, obviamente: uma grande intérprete, uma grande pianista, interpretações fantásticas, de cujo repertório retiro A Case of You, de Joni Mitchell, da qual retiro estas linhas:

I met a woman, she had a mouth like yours, she knew your life
She knew your devils and your deeds and she said
Go to him, stay with him if you can
But be prepared to bleed

 Do que não gostei? Do saxofone (não nesta música) demasiado presente. O saxofone é invasivo, quanto a mim. Bastava-lhe o piano, o contrabaixo, a bateria. Se Diana Krall me perguntar a opinião, não hesitarei em dizer-lhe isto...

JdB  

Sem comentários:

Acerca de mim

Arquivo do blogue