segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Free ads


O Adeus até ao meu regresso ainda não é uma sucursal dos Centros de Emprego, não se substitui ao caderno do Expresso nem do Diário de Notícias. Mas, em momentos de crise como aqueles que vivemos hoje em dia, se pudermos fazer a ponte entre quem se oferece para contratar e quem precisa de ser contratado, já prestamos relevantes serviços à Nação.

Aqui fica, por isso, uma oferta de emprego que mão amiga me fez chegar. Pensem se querem, se conhecem alguém, se o primo do amigo da sobrinha da vizinha poderá estar interessado. Estou convencido, pela informação de que disponho, que poderá ser aliciante.

De que está à espera? Responda já!


Sem comentários:

Acerca de mim

Arquivo do blogue