domingo, 19 de janeiro de 2020

II Domingo do Tempo Comum

EVANGELHO - Jo 1,29-34

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São João

Naquele tempo,
João Baptista viu Jesus, que vinha ao seu encontro,
e exclamou:
«Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.
Era d'Ele que eu dizia:
"Depois de mim virá um homem,
que passou à minha frente, porque existia antes de mim".
Eu não O conhecia,
mas para Ele Se manifestar a Israel
é que eu vim baptizar em água».
João deu mais este testemunho:
«Eu vi o Espírito Santo
descer do Céu como uma pomba e repousar sobre Ele.
Eu não O conhecia,
mas quem me enviou a baptizar em água é que me disse:
"Aquele sobre quem vires o Espírito Santo descer e repousar
é que baptiza no Espírito Santo".
Ora eu vi e dou testemunho de que Ele é o Filho de Deus».

3 comentários:

Anónimo disse...

Felizmente que as coisas são o que são.

... Eu vi o Espírito Santo descer do Céu como uma pomba ...
Seria que o Apóstolo quereria significar 'de mansinho'?

Por isso nós, pobres homens, representamos o Espírito Santo como uma pomba. E o Pai como um velho barbudo. E o Filho loiro.

O que me lembra António Lobo Antunes que, em criança e perante uma imagem do Espírito Santo, ter perguntado: quem é esse pardal (in Crónicas).
ao

JdB disse...

ao,

Não foi neste domingo que ouvi a explicação para a pomba; máquina velha já não fixa informações relevantes... Talvez o 'mansinho' se aplique ao cordeiro, mais do que à pomba. Ou não será assim?

Anónimo disse...

Ainda bem!
De explicações está a Igreja cheia.
Abraço,
ao

Acerca de mim

Arquivo do blogue