segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Fórmula para o caos

Os tempos que se vivem são, em termos mediáticos, dominados pela actualidade económica. Não só na Europa, mas também nos EUA. Foram várias as semanas de incerteza relativamente ao acordo entre Democratas e Republicanos com vista ao aumento do tecto de endividamento público. O mundo mudou. Contudo, os lideres mundiais parecem não querer aceitar essa realidade irreversível. Desde que a globalização se tornou um fenómeno de difícil controlo por parte dos Estados que o sistema Keynesiano da contracção de divida para financiar os défices orçamentais se tornou inviável. O gráfico abaixo, surripiado a um blog económico da autoria de Luís Salgado de Matos, demonstra a correlação entre o défice e o crescimento do PIB. É simples observar que o aumento da despesa nos EUA já não reflecte efeitos positivos na produção de riqueza.



Pedro Castelo Branco



Sem comentários:

Acerca de mim

Arquivo do blogue